ENG. ÁLVARO UNGARETTI LOPES


Com dois filhos pequenos e a insegurança e uma grande capital, o ,engenheiro Álvaro Ungaretti, graduado pela PUC-RS em 87 e com MBA em Gerenciamento de Obras, Tecnologia & Qualidade na Construção Civil, e começando outra em Patologia das Construções, largou a empresa familiar, uma incorporadora com inúmeras obras no estado e em Santa Catarina com parcerias de empresas de São Paulo e Portugal, veio buscar em Frederico Westphalen,a paz, tranquilidade e segurança de uma pequena cidade. Sua primeira obra na cidade foi sua bela casa no bairro Faguense, onde vislumbra um boom de crescimento para os próximos anos e onde resolveram fincar raízes. Contratou uma empreiteira e ao longo da obra foi analisando o comportamento da indústria local. Conversando com proprietários de outras construtoras também viu que há aqui na cidade um mercado deficitário, que diz respeito ao pós obra. Os proprietários não recebem o Manual de manutenção, uso e operação que lhe mostrará as garantias dos sistemas construtivos. Porém o que a maioria dos proprietários desconhecem é que se você não segue o que está escrito no Manual, perde o direito à garantia, como ocorre com seu carro. E A construtora, ao entregar este manual ao proprietário, se resguarda o direito de solicitar ao mesmo que as manutenções ali previstas sejam realizadas, sem as quais ela não terá mais a obrigação das garantias previstas em lei. Já para o proprietário, o Manual serve de apoio, considerando que ele não conhece os materiais, os sistemas construtivos e como lidar com eles, como fazer a manutenção dos mesmos, garantindo uma vida útil mais longa, e menos gastos com problemas futuros. E sem o Manual como fazer? Neste caso, este engenheiro fornece o Plano de Manutenção que dará este resguardo e apoio ao proprietário e ao síndico. . Paralelamente, a norma ABNT NBR 16747, de 2020, trata da Inspeção Predial, que nada mais é que um check-up da edificação, onde são analisados os sistemas construtivos da mesma, estrutural, elétrico, hidráulico, revestimentos, impermeabilizações, incêndio, entre outros que estão presentes na edificação. Esta inspeção, feita a cada 3 ou 5 anos, dependendo da idade do prédio, trará ao síndico, responsável do condomínio uma tranquilidade e segurança jurídica de que seu imóvel está em condições de uso e apontará o que deve ser feito para resolver algumas questões que no momento podem trazer algum desconforto aos moradores do imóvel. Todos estes serviços são prestados pelo engenheiro.

Siga as redes sociais e saiba mais: @engalvaroungaretti